Crianças que roem as unhas

eu filho pode roer as unhas por uma série de motivos, entre eles curiosidade, tédio, para diminuir o estresse, por hábito ou por imitação. Roer as unhas é a mais comum das "manias" infantis, que também incluem chupar o dedo, colocar o dedo no nariz, enrolar os cabelos e ranger os dentes. É também a mania que mais tende a continuar na vida adulta. 

Crescer pode gerar ansiedade no seu filho, e muitas das tensões e pressões que a criança sente são invisíveis aos olhos dos adultos. Se seu filho rói as unhas moderadamente (não se machuca) e inconscientemente (enquanto assiste TV, por exemplo), essa é simplesmente sua maneira de lidar com o estresse e não há motivo de preocupação por enquanto.

Em raras ocasiões, os casos mais sérios podem indicar um problema de ansiedade excessiva. Procure o pediatra se seu filho chegar a roer as unhas até sair sangue ou ficar com os dedos doloridos, se ele tiver outros comportamentos que a preocupam como beliscar a própria pele, ou arrancar os cílios ou cabelos.

Lembre-se, no entanto, que não é nada fácil largar um hábito e que vocês dois estão do mesmo lado nesta tentativa. Faça uma pausa, se for preciso, e cubra seu filho de afeto e atenção, mesmo que ele não tenha muito sucesso em parar de roer as unhas.

contato@ajunior.net